blog do luiz fernando roxo.
Início » Como usar a Estratégia Barbell para se proteger das crises?

Como usar a Estratégia Barbell para se proteger das crises?

Sabia que ao montar uma carteira seguindo a Estratégia Barbell você protege seu patrimônio contra crises e ainda maximiza o potencial de ganhos?

Isso porque com o método, desenvolvido por Nassim Taleb, a maior parte da sua carteira de investimentos fica alocada em ativos muito seguros.

 E outra, bem menor, em investimentos de alto risco, mas com potencial de valorização muito maior. 

Por isso, ao montar uma carteira seguindo a Estratégia Barbell pode salvá-la da ruína, especialmente em momentos de crise do mercado. Como a que acabamos de passar com a pandemia. 

Afinal, ela irá conferir a segurança e a antifragilidade necessária para que você possa assumir os riscos do mercado, sem expor todo o seu patrimônio.

Ou seja, a maior parte do seu dinheiro fica muito bem protegido! 

Em resumo, a Estratégia Barbell é uma forma de manter a sua carteira de investimentos equilibrada da maneira certa, sem deixar de lado os investimentos conservadores e arriscados de fora da sua lista de ativos.

Já imaginou ter uma estratégia que, ao mesmo tempo, protege e aumenta os seus investimentos?  Saiba que a Estratégia Barbell é o caminho certo para isso. E contamos aqui em detalhes como fazer. 

O que é Estratégia Barbell?

A Estratégia Barbell é uma forma de fazer gerenciamento de risco da carteira de investimentos que segue a regra dos 80/20. Onde 80% do patrimônio fica alocado em ativos seguros e conservados, como Tesouro Direto, e 20% em ativos mais agressivos, como Opções, ações e criptomoedas. 

Ao investir seguindo esta regra, você estará fazendo um balanceamento dinâmico dos seus ativos, em que você vai colocar os investimentos com riscos diferentes em pesos extremos.

Sendo um lado da carteira composta por ativos extremamente conservadores (CDBs, Fundos DI e Tesouro Direto) e outro bem mais agressivo (ações, Opções e Criptomoedas). 

A vantagem é que ao investir seguindo a Estratégia Barbell, a sua exposição aos riscos do mercado não te levará à ruína. Pois uma parte do seu patrimônio estará alocada em investimentos muito seguros. 

E fará você ganhar de balde e perder de canequinha!

Além disso, para você entender melhor, vale lembrar que “barbell” significa halter (peso) em inglês.

E a Estratégia Barbell funciona como se você colocasse seus ativos, com pesos diferentes, de cada lado de um “halter”, focando no rendimento, liquidez  e segurança para a carteira de investimentos como um todo

Uma barra com pesos é a analogia da estratégia barbell

Como aplicar a Estratégia Barbell nos seus investimentos?

Na Estratégia Barbell você deve se concentrar em dividir os pesos dos ativos de sua carteira da seguinte maneira: 

Ou seja, para investir seguindo a Estratégia Barbell, você deve ter os “pesos” apenas nos extremos da barra, e nada no meio dela.

Ativos com características citados na Estratégia de Barbell

Agora, como escolher esses ativos da melhor forma possível? Veja alguns exemplos que separei para que você possa começar a aplicar a Estratégia Barbell agora mesmo em sua carteira:

Ativos Conservadores (80% da sua carteira)

Tesouro Direto

Por ser um investimento considerado seguro no país (principalmente o Tesouro Selic), vale a pena que você inclua pelo menos uma parte da sua carteira de investimentos no tesouro direto.

Afinal, se você conseguir levar o seu patrimônio investido até a data de vencimento, você terá certeza de quanto receberá com ele.

Agora, se por algum motivo você resgatar esse dinheiro antes do tempo, provavelmente, irá perder alguma quantia. 

CDB de liquidez diária

Assim como já explicamos em outros textos aqui no blog, os CDBs de liquidez diária, de grandes bancos principalmente, são uma ótima opção como investimento conservador e inclusive como reserva de emergência.

Fundo DI

Os Fundos de Investimento DI são aqueles que aplicam a maior parte de seu patrimônio, pelo menos 95% por lei, no Tesouro SELIC.

Ou seja, o foco deste tipo de fundo não é diretamente um rendimento alto, mas sim a segurança do dinheiro aplicado.

Letras de Crédito:

Este é um tipo de investimento bastante interessante, afinal é de renda fixa também, mas são relacionados ao setor imobiliário, o LCI pode ser pré ou pós-fixado.

Lembrando que, geralmente o pós fixado é atrelado à Taxa DI (depósito interbancário).

Ativos Agressivos (20% da sua carteira)

Ações

Em sua grande maioria, as ações possuem uma volatilidade bem alta, ou seja, as oscilações de preço é o que dita o preço de compra e venda desse ativo.

Por isso, as ações são muito propensas a te gerarem uma rentabilidade muito alta quando se valorizam, mas cuidado, lembre-se que elas são um dos principais investimentos agressivos.

Opções

As opções são derivativos das ações que também podem te ajudar a rentabilizar bastante a parte mais agressiva da sua carteira. 

Isso porque, dominando a volatilidade e sabendo como assumir os riscos das suas operações sem se expor à ruína você perde pouco dinheiro e tem ganhos ilimitados.

Commodities 

Commodities é tudo aquilo que possuem baixo nível de industrialização, ou seja, são as matérias primas essenciais para a sobrevivência. 

Commodity vem do Inglês que significa mercadoria. 

O preço de commodities é definido pelo mercado mundial, em consequência da oferta e demanda.  Você deve ter pensado que esse preço tenha sido definido pela empresa, mas não, até que nesse caso a marca da empresa não importa. 

O nosso país é um grande produtor e exportador de mercadorias (commodities). Com isso, as negociações são bem ativas e qualquer pessoa pode investir nessa modalidade. 

É uma forma de investimento que possui volatilidade, ou seja, muitas mudanças em seus preços. Esse investimento tem mais rendimento e liquidez fora do Brasil. 

Fundo de Investimentos Multimercado 

Certamente, cotas dos melhores fundos multimercado podem ser utilizadas para aumentar a velocidade dos rendimentos do seu portfólio.

Os fundos multimercado possuem uma liberdade maior de operações. Basicamente, são bem parecidos com a Estratégia Barbell, já que eles têm a opção de alocar o dinheiro no conservadorismo e o agressivo. 

Com um bom gestor à frente, tendo tantas possibilidades de estratégias e teses de investimento, fundos multimercado podem definitivamente fazer parte de uma carteira de investimentos. 

Como surgiu a Estratégia Barbell?

O conceito da Estratégia Barbell já havia sido discutido por diversos autores da antiguidade filosófica, como Pareto e Yule, que criaram a ideia de dividir as proporções da “Regra 80/20” para fazer gerenciamento de riscos.

Dessa forma, o 80 deveria ser direcionado ao risco menor, enquanto os outros 20 seriam aplicados em atividades de maior risco. 

Mas foi Nassim Taleb o responsável por estudar e trazer este formato de gestão de riscos (80/20) para os investimentos.  Também tomando como base conceitos como o do Extremistão e do Mediocristão.

Você se lembra destes conceitos? O mediocristão é aquele princípio do que não se expõe a um fracasso extremo, mas que também tem pouca probabilidade de um crescimento alto.

Já o extremistão, é aquele em o resultado final pode ser fortemente impactado por apenas um elemento do todo.

Quem criou a Estratégia Barbell?

de barbell nassim taleb

A  Estratégia Barbell foi popularizada pelo megainvestidor e analista de riscos líbano-americano Nassim Nicholas Taleb. Que também é autor de de best-sellers do mercado financeiro, como A Lógica do Cisne Negro, Antifrágil e Arriscando a Própria Pele.

Taleb ficou famoso no mercado por demonstrar na prática diversas estratégias que fizeram com que ele próprio se tornasse multimilionário. Assim como outras pessoas que seguem seus ensinamentos.

Além disso, algumas de suas frases mais célebres, ajudam a divulgar uma estratégia balanceada de carteira, como “Elimine o risco de ruína” e “Não quebre em hipótese alguma.” 

Vantagens de aplicar a Estratégia de Barbell nos investimentos

Agora que você já entendeu como funciona a estratégia Barbell, vou te mostrar algumas vantagens para aplicá-la em sua carteira de investimento, lembrando que você pode usar esta estratégia em qualquer tipo de investimento.

1 – Pagar de Canequinha e Ganhar de Balde

Essa é uma das principais estratégias para quem quer ganhar mais dinheiro, ou melhor, fazer uma renda extra para a carteira. 

Já que um dos lados é mais agressivo dos seus investimentos, você poderá investir em ativos com mais liquidez nos quais você pagará pouco para investir. 

Afinal, o mercado agressivo tem mais volatilidade, porém mais arriscado. 

Não se preocupe com os riscos, porque aqui no blog você encontrará métodos para amenizar os riscos e proteger a sua carteira. 

A proteção te proporciona perdas limitadas e ganhos ilimitados. 

Só assim, você gera renda para a sua carteira. 

2 – Segurança

Como a maior parte dos seus investimentos estarão alocados em ativos mais conservadores e você estará expondo a menor parte do seu patrimônio em ativos agressivos, você não corre o risco de ir à ruína. Uma vez que, você conseguirá cobrir as perdas com a proteção da carteira, com estratégias em opções, caso ocorram.

Dicas do Roxo para usar a Estratégia Barbell na vida

Pessoalmente, aplico a Estratégia Barbell em praticamente todas as minhas atividades do dia a dia, inclusive esportes. E, assim como Nassim Taleb escreveu no livro A Lógica do Cisne Negro, “Me preocupo menos com pequenos fracassos e mais com grandes e potencialmente terminais”. 

Ou seja, quando vou pela primeira vez a um restaurante para levar a minha família, e não gosto da comida ou do atendimento, eu simplesmente não voltarei mais. 

Entretanto, se eu não pagar o meu plano de saúde e precisar em algum momento, pode ser que eu não consiga reparar o erro. 

Você pode aplicar a Estratégia Barbell para tudo na sua vida. Então começa a ler o livro Antifrágil do Taleb, para você entender os conceitos. 

estrategia barbell livro

Exemplos de como a Estratégia de Barbell pode ser usada

Nos investimentos

É bastante simples aplicar a Estratégia Barbell nos investimentos, como eu expliquei há pouco. 

Você deve separar seu patrimônio em dois tipos de ativos com características diametralmente opostas, sendo, os conservadores e os agressivos.

Sendo a maior parte da proporção em ativos conservadores, que conferem a segurança da estratégia e da sua carteira e, uma pequena parte nos ativos mais agressivos, que são os que vão conferir a maior parte da rentabilidade de sua carteira.

Você pode montar uma carteira na qual 80% ficará distribuída em investimentos conservadores como: CDBs, Tesouro Direto, Fundos DI, Fundos de Renda Fixa, Letras de Créditos,entre outros. 

E os 20% restantes, você pode investir em: Ações, Estratégias de Opções, Fundos Imobiliários, Fundos de Investimentos MultimercadoFundos de Ações, Commodities, Criptomoedas, entre outros. 

Na vida profissional

Sou empreendedor e na minha vida profissional a Estratégia de Barbell também está muito presente. Afinal, as minhas escolhas e de meus sócios têm como meta principal o crescimento seguro da empresa. 

Para isso, a maior parte das nossas escolhas e tomadas de decisão devem ser feitas de forma muito bem estruturada e segura. 

Quando criamos um novo produto estamos focando num ativo mais agressivo, ou seja, que tem ou não a chance de dar certo. E, assim, fazemos todos os levantamentos. 

Por exemplo, conhecer novas pessoas e fazer networking é muito importante para um bom negócio, logo seria o lado conservador. E ao aceitar novas oportunidades de negócio ou então mudar as estratégias da empresa, o que exige muito mais esforço e mais cuidado seria o lado agressivo.

Em uma viagem de lazer

Ao escolher o seu roteiro de viagem de férias, você pode gostar ou não do lugar. Sendo que o pior cenário é a comida ser muito ruim e você ser extremamente mal atendido no hotel.

E, assim, não voltar mais no lugar, ou seja, não são riscos que podem te levar à ruína. Então vale a pena corrê-los.

Estratégia Barbell: Qual a ligação com o termo antifrágil?

Ao anular a possibilidade de ruína você estará cada vez mais próximo de alcançar a sua carteira antifrágil.

Afinal, criando mecanismos e estratégias de investimento em que você atenua a fragilidade e elimina os riscos, isso é ser antifrágil.

Aprenda mais sobre o Mercado Financeiro

Montar uma carteira de investimentos antifrágil e convexa exige muita disciplina e estudo, afinal você precisará encontrar estratégias eficientes para cada momento do mercado financeiro.

Por isso, criei o curso Estratégia do Pozinho, em que ensino a análise e aplicação de diferentes payoffs focados na compra e venda de Opções.

Se você já investe e tem interesse em potencializar ainda mais seus ganhos através de uma diversificação de carteira mais robusta, o seu caminho é com certeza as Opções, por isso a Estratégia do Pozinho pode facilitar seu início nesta nova família de investimentos.

Com estratégias de investimento que vão do básico ao intermediário você já conseguirá ver seu patrimônio crescendo desde os primeiros aportes.

Agora, se você já conhece a Estratégia do Pozinho e quer se aprofundar ainda mais com estratégias mais sofisticadas, que exigem mais dedicação e que te trarão ainda mais rendimentos, conheça o curso Opções Master.

O Opções Master foi desenvolvido e pensado inteiramente para a minha comunidade, por mim e mais de 15 outros professores que ajudaram a montar estratégias em diferentes segmentos do mercado financeiro, vale a pena conferir.

Conclusão

Por fim, a Estratégia Barbell foca em uma estratégia de balanceamento de carteira, mas não pela quantidade de ativos, mas sim pelo “peso” deles em cada um dos lados.

Assim, na Estratégia Barbell o objetivo principal é investir nos dois extremos, sendo a maior parte do seu patrimônio em ativos muito conservadores (como o Tesouro Selic, por exemplo) e a menor parte em investimentos muito agressivos (como em Opções).

Isso porque, é mais fácil calcular os riscos nos dois extremos do que um risco médio, o que o Taleb chama de Cisne Negro, ou seja, riscos imprevisíveis.

Ao investir dessa forma e realizar o balanceamento dinâmico da sua carteira, sempre que for necessário, através de descasques, estará cada vez mais próximo de alcançar a antifragilidade e sua liberdade financeira.

luiz fernando roxo.

luiz fernando roxo.

adicione um comentário

siga-me

Não se acanhe! Entre em contato!