blog do luiz fernando roxo.

investir em ouro vale a pela? qual a melhor forma de começar?

Investir em ouro ainda vale a pena? Ao longo da história da humanidade, o ouro teve um importante papel nas relações de posse e de poder. Aqueles que o possuíam eram praticamente intocáveis em relação aos demais.

O ouro possui características marcantes como durabilidade, fácil divisão, reconhecimento, praticidade, portabilidade e escassez. Não é a toa que foi escolhido como moeda de troca desde os tempos remotos.

Mas a valorização do ouro se deu muito antes da criação do metal como moeda de troca. Os astrônomos, na antiguidade, relacionavam o ouro ao sol, criando um ar mítico sobre o metal. 

Essa ligação mítica entre ouro e sol ajudou a desenvolver a crença no valor destes metais.

Deixando o misticismo histórico de lado, o ouro é sem dúvida um dos ativos financeiros mais seguros que você pode escolher. Além de ser um ativo físico, ele também compõe a reserva monetária de inúmeros países.

O fato é que por ser menos suscetível à especulações do mercado e dos bancos, o valor do ouro resistiu. O ouro preserva patrimônio e não corre os mesmos riscos de outras aplicações financeiras.

Quer saber por que na era do bitcoin e dos home brokers o ouro continua sendo uma ótima opção de investimento? Acompanhe o artigo!

Por que tantas pessoas procuram investir em ouro?

O ouro reluz aos olhos dos investidores experientes, principalmente em momentos de crise e alta inflacionária. Mas por que tantas pessoas escolhem investir em ouro? É pura influência?

Nos momentos de crise e  desvalorização de moedas, a cotação do ouro sobe, isso acontece pela lei de oferta e da procura, os investidores buscando mais segurança e proteção.

Nessa situação, os investidores movem seu capital da bolsa de valores e de outros ativos durante as crises e se refugiam na segurança do ouro. 

O ouro também se valoriza em períodos de inflação, de modo que investir em ouro é uma maneira de se proteger das incertezas da economia.

Assim, se você é investidor iniciante e já está criando o hábito de monitorar os índices, caso perceba uma tendência de queda do dólar e perda de fôlego nos gráficos da bolsa, é quase certo que uma valorização do ouro venha a seguir. 

E quando o ouro começa a se valorizar, muitas pessoas de fora são atraídas para esse investimento e criam uma espécie de bolha. Você só tem que ter cuidado para não entrar na hora que a bolha estourar e acabar saindo no prejuízo.

Será que você deve investir em ouro?

Não vá pensando que você ficará rico de uma hora para outra só por ter o ouro entre seus ativos. Você deve pensar nas outras vantagens que esse investimento oferece. 

Mas se eu não vou enriquecer, por que investir em ouro então?

Como falamos no tópico anterior, o ouro é capaz de resguardar os investidores em momentos de incerteza no mercado, quando o dólar cai ou o mercado de ações fica em risco, por exemplo.

Esses riscos de mercado não afetam o ouro, visto que ele é um recurso natural. A escassez do ouro na natureza garante que ele mantenha sempre um valor inerente, funcionando como uma reserva. 

Como já falamos, pense que você ficará rico apenas comprando ouro. No entanto, o ouro  preserva o seu valor, diferentemente de ações e títulos, que podem podem se desvalorizar ou perder a lucratividade.

Investir em ouro é uma forma de proteger seu patrimônio!

Vantagens de Investir em ouro

Agora que você já está ciente de alguns pontos importantes sobre investir em ouro, é hora de falar de algumas vantagens dessa compra.

O Banco do Brasil, por exemplo,  oferece garantia de recompra do ouro vendido aos seus clientes com liquidez diária. Outra vantagem é a custódia, um serviço de guarda e proteção do ouro disponibilizado pelo Banco.

Além da segurança oferecida, a custódia é a forma mais barata de manter um investimento em ouro, sem ter que pagar taxas de corretoras, por exemplo.

É importante ficar atento nas operações de compra e venda, por conta da cobrança de tarifas de corretagem ou taxas de lucros casuais. Mas isso não deve desmotivar você, apenas avalie as condições antes de fechar negócio.

Essas foram só algumas das vantagens de investir em ouro, se você ficou interessado continue lendo para aprender mais e saber como começar a investir.

Qual o perfil de quem investe em ouro?

Investir em ouro é mais recomendado para aqueles que já possuem experiência e conhecimento no mercado financeiro (sendo capaz de entender a volatilidade e a hora certa de tomar cada ação).

Com a ocorrência de uma queda na bolsa de valores, outros ativos também costumam se desvalorizar, é uma reação em massa. Isso acontece porque há uma migração elevada dos investimentos para o ouro.

Pode parecer simples, mas compreender essas nuances e identificar o momento propício para cada transação exige experiência.

Ou seja, não importa se seu perfil é conservador ou agressivo, ao investir em ouro, você precisa ter um olhar totalmente analítico.

Preciso ter um cofre em casa para investir em ouro?

Já imaginou mergulhar em uma montanha de moedas de ouro que nem o personagem Tio Patinhas? Além de dolorosa, essa ideia já ficou para trás há muito tempo.

Quem compra o ouro físico, precisa ficar atento a algumas necessidades do mercado no processo de revenda. Para revender o ouro físico, o metal precisará ser fundido para verificação do teor de pureza, esse processo tem um custo elevado, o que tira parte da rentabilidade.

O mesmo vale para a compra do ouro em forma de jóias, algo que era muito comum no passado. Porém, o preço da joia no momento da compra pode ser maior que no momento da venda.

Além desses pontos desfavoráveis, lembre que armazenar o ouro em casa traz um alto risco para a segurança da residência.

Mas, se comprar ouro físico não é uma boa ideia, como posso investir em ouro então? Veja a seguir.

Como investir em ouro?

O primeiro passo é escolher a maneira como você quer investir. Hoje existem diversas forma de investir em ouro. Vou mostrar nos próximos parágrafos as formas mais viáveis para o investidor individual. 

Aproveite para aprender como investir em ouro da forma correta.

Contratos na Bolsa de Valores

Uma das maneiras mais práticas é fazer o investimento em ouro negociando contratos na Bolsa de Valores. Para isso, o primeiro passo é abrir uma conta em uma corretora.

Separei esses dois artigos pra você:

Você pode optar por um contrato fechado, no qual a negociação do ouro (preço do ouro) é sobre lingotes de 250g. Mas essa quantidade tem um valor elevado.

Outra opção é negociar contratos menores e fracionados, porém com menor liquidez, de 10g e até de 0,225g. O ouro negociado na bolsa de valores é o de 24k.

Através deste sistema, visando maior liquidez, o investidor se compromete a pagar a taxa de corretagem, já a taxa de custódia fica por conta da corretora. 

Esta modalidade é recomendada para investidores que estão visando investir tanto no curto como no médio prazo. 

Investir em ouro através do Banco do Brasil

O Banco do Brasil oferece a oportunidade de investir em ouro, com garantia de recompra para todos os seus investidores, desde que este seja custodiado no próprio banco mediante taxa. 

Outra vantagem dessa modalidade, é que o banco oferece opções de investimentos mais diversificadas, menores e mais fracionadas quando comparados às modalidades disponíveis para as negociações na bolsa de valores.

Fundos de Investimento em ouro

Outra opção interessante é adquirir fundos de investimentos em ouro. A principal vantagem é ter gestão profissional dos seus investimentos. A desvantagem é que esse serviço possui taxa de administração.

No entanto, apesar da taxa, esta é uma das opções mais acessíveis para a grande maioria dos investidores, já que toda a parte burocrática vai ficar por conta do gestor.

Com fundos de investimento em ouro, o investidor terceiriza a gestão deste ativo a um gestor profissional. 

Nessa modalidade você pode optar por um investimento passivo, onde o ouro é comprado e fica à mercê das variações no preço, ou optar por um investimento ativo, que compra e vende ouro de acordo com as oscilações do mercado, visando maior rentabilidade.

Comprar barras de ouro

Uma das opções mais controversas é comprar barras de ouro e armazená-las em casa. Ter ouro em espécie traz o risco de não ter um lugar seguro onde guardá-lo, aumentando as chances de ser roubado.

Além disso, existe a necessidade de avaliação da qualidade do ouro no momento da venda, sem falar na possibilidade de redução de liquidez. 

Uma forma mais viável de comprar barras de ouro é comprar certificados de barras de ouro e mantê-las em um banco sob custódia, como falamos acima. A taxa de custódia nesses casos pode variar de 0,7% até 0,15% por mês.

Investir em ouro a curto prazo

É necessário que o investidor tenha muito conhecimento e estratégia para investir no curto prazo, além de acompanhar diariamente o mercado e as cotações do ativo.  

Para o investidor individual que possui pouco  conhecimento do mercado financeiro, é recomendado optar por outros investimentos que sejam livres de especulação, como ações de empresas bem estabelecidas ou títulos de dívida pública.

Investir em ouro a longo prazo

É necessário ter um excelente planejamento a longo prazo, pois essa é uma forma de proteger seu capital de mudanças bruscas da economia, e, se possível, procure adquirir o ouro em momentos onde a economia apresentar maior estabilidade. 

Nesses momentos a demanda é menor e o preço tende a estar mais baixo.

Investir em ouro a longo prazo é mais recomendável que comprar o metal buscando vender rapidamente. Para fazer especulações de forma correta e garantir lucros, é necessário muita experiência de mercado.

Riscos de investir em ouro

Apesar do ouro ser altamente procurado e considerado um investimento seguro em momentos de crise econômica, investir em ouro de forma especulativa não é sinônimo de rentabilidade garantida, além de ser uma escolha arriscada. 

O valor do ouro é extremamente volátil e pode sim trazer prejuízos para os mais desavisados.

Os fatores que afetam a cotação do ouro podem ser os mais diversos, como:

  • Mudança na política monetária de outros países;
  • Volatilidade na oferta e demanda de compra;
  • Alterações nos fluxos de importação e exportação do ouro;
  • O ouro também sofre com a sazonalidade;
  • Fatores naturais que possam afetar ou inviabilizar a exploração do ouro;

Vale lembrar também que investimentos em ouro são passíveis de tributação no Imposto de Renda. Existe um teto máximo de isenção que vai até R$ 20 mil. Sendo ultrapassado, são pagos 15% dos rendimentos à Receita Federal. 

Existem riscos sim, mas não estamos falando para você desistir de investir em ouro, apenas para ter um olhar mais analítico e fazer escolhas inteligentes nos seus investimentos.

Afinal, você deve investir em ouro?

Investir em ouro de forma segura requer que você tenha uma certa quantidade de capital disponível na sua carteira de investimentos. No entanto, investir em ouro não é algo exclusivo para pessoas de muitas posses, sendo  acessível através de fundos de investimento para qualquer interessado.

O mais importante em relação ao ouro como investimento é o seu principal uso nos dias de hoje como seguro contra a volatilidade dos bancos. Nesse caso, o ouro cumpre muito bem sua função de preservação do poder de compra.

O ouro deve ser visto como investimento de longo prazo e também como parte da estratégia de diversificação da sua carteira de investimentos.

É preciso lembrar também que o ouro, diferentemente de outras moedas fabricadas, é de extração limitada, por ser um mineral já vastamente explorado. Dessa forma, com a escassez das jazidas ao redor do mundo, o ouro que circula no mercado tende a se valorizar ainda mais.

Ter um investimento seguro, que devolve seu dinheiro corrigido pela inflação a longo prazo e não te deixa perder poder de compra é algo valioso.

luiz fernando roxo.

luiz fernando roxo.

adicione um comentário

fique por dentro

receba gratuitamente as atualizações do blog!

siga-me

Não se acanhe! Entre em contato!

 

Luiz Roxo Comunidade Telegram

faça parte da minha comunidade no Telegram

Fazer parte de uma comunidade é fundamental para o seu processo de desenvolvimento. Isso ajuda você a tirar suas dúvidas e realmente aprender. Acesso a conteúdos EXCLUSIVOS! Para fazer parte, basta responder a uma pesquisa!


quero fazer parte.